Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

RUMO AO SUL

RUMO AO SUL

Manhãs do meu Algarve

14492447_617595695079494_3658289958599639454_n.jpg

 

Manhãs do meu Algarve, auroras grandiosas,
Abrindo pelo Céu girândolas de cores,
Feitas de seda e oiro e mármores e rosas,
Acordando de manso as sonolentas flores!
V`luptuosas manhãs triunfais e supremas,
Em que o ar não tem mancha, a luz não tem algemas!

João Lúcio, O Meu Algarve, 1905
(Olhão, 4 de julho de 1880 - 26 de outubro de 1918)