Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

RUMO AO SUL

RUMO AO SUL

RUMO AO SUL em 03.06.17

Mar sem praias

  Num amor grande como um mar sem praias, Sem os teus beijos, minha pele é sobro. Minha alma, de sal, já tem o dobro Do mar que tem, nas ondas, suas aias. Faço dos versos, rimas, as alfaias
RUMO AO SUL em 28.04.17

O que faço melhor é contemplar

  O que faço melhor é contemplar e contemplo mal — o cristal dos meus olhos está cansado e o sopro matinal que tanto prazer me deu desprende-se já do corpo que julguei meu. Pouco a (...)