Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

RUMO AO SUL

RUMO AO SUL

Manuel Neto Dos Santos

Manuel Neto dos Santos.jpg

 

Nada mais tenho a resolver pela vida que o acto de existir;

dispo-me, por aqui, da casa, dos sonhos,

dos céus que vi mas não recordo

pois não os passei a ser... vi, por ver, tal como vivo

e, ao existir, aprendo, docilmente, a forma mais poética de morrer.

 

Manuel Neto Dos Santos

(Alcantarilha)