Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

RUMO AO SUL

RUMO AO SUL

Noite de mármore branco esplendente

27868093_849885098517218_3028074669762667810_n.jpg

 

 
Noite de mármore branco esplendente
(João Lúcio)
Em teu sorriso; todo o universo.
Descrevo o amor bissexto, tão disperso,
Inscrevo a tua ausência… e fico ausente.
Ausente do que fui mas não cheguei
A ser porque não sendo é que sou mais;
O teu sorriso, sim, trouxe-me o cais
Onde tu, alma, cais perante a lei
Da morte de onde sempre te libertas
E alcanças a Lusíada certeza;
Da chama deste fado, sempre acesa…
No Amor de um dia a mais, só de horas certas.

Manuel Neto dos Santos, no livro "Passionário"

Fotografia de João P. Santos Photography

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.