Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

RUMO AO SUL

RUMO AO SUL

Um Corpo um País

13260142_560911574081240_2360766092287047871_n.jpg

 

Frente ao mar
meu corpo ardente e nu de marinheiro
pelo sangue. Fervem-me nas veias
um milhão de ondas em repouso.
Em meus olhos cativos e saudosos
— imagem da minha solidão imensa —
o abraço que me une a ti
ó mar
deus pagão de olhar luminoso e belo!
Recebe ó mar este afluente silencioso
que para ti corre e contigo se confunde
o líquido canto a quem me digo
pelo drama de não ser só teu.

 

Casimiro de Brito
(Loulé - Algarve, 14 de janeiro de 1938)

Fotografia -Praia de Faro.por Martyna Mazurek fotografia